TC 1 – CRIOLIPÓLISE

Criolipólise – destruição da gordura através do congelamento das células

A Técnica

A Criolipólise utiliza uma tecnologia de resfriamento intenso, localizado e seletivo, na qual as células de gordura são destruídas com o frio (-5ºC), sem causar danos aos tecidos adjacentes. Uma vez “congelada”, a gordura não volta à sua forma normal, sendo eliminada pelo organismo.

Como Surgiu a Criolipólise

A tecnologia foi desenvolvida pelo Prof. Dr. Rox Anderson, médico e pesquisador da Universidade de Harvard (USA).

O Prof. Dr. Rox Anderson e sua equipe analisaram uma pesquisa a respeito de crianças que, nos primeiros anos de vida, tomaram muito picolé e desenvolveram “covinhas” nas bochechas, um formato que foi estimulado pelo frio recebido no local. Esses e outros modelos fizeram com que o doutor e sua equipe investigassem o metabolismo das células de gordura, concluindo que as mesmas podem ser bem mais suscetíveis ao frio do que ao calor, o princípio usado até hoje em boa parte dos tratamentos para emagrecimento disponíveis no mercado.

Indicações

Tem indicação para pequenas áreas de gordura localizada em pacientes femininos e masculinos, nas regiões de abdome, braços, adutores da coxa, flancos (gordura localizada nas laterais do abdomen) e culotes.

A grande vantagem do tratamento é que, diferente da lipoaspiração (um dos mais famosos procedimentos contra gordura localizada), a criolipólise não é agressiva, pois trata-se de um método não invasivo (sem cirurgia, sem anestesia, que não utiliza agulhas nem cânulas).

Quantas sessões são necessárias?

Em média, uma sessão dura de 50 min a uma hora por área tratada. Em alguns pacientes pode ser necessário realizar o procedimento uma segunda vez, mais uma redução de 25% a 30%, em média, poderá ser obtida. As perdas totais podem ser maiores ou menores que as mencionadas, dependendo do paciente. Após esse método complementamos o protocolo personalizado de acordo com a necessidade de casa individua .

Quais os possíveis efeitos colaterais?

Os pacientes poderão apresentar vermelhidão, pequenos hematomas, formigamento ou dormência na área tratada, mas estes são apenas efeitos temporários. TEXTO: LORICE I MIGUEL – FISIOTERAPEUTA DERMATO – FUNCIONAL

22-2-outubro-face-corpo 22-outubro-face-corpo